Lava Jato também no futebol europeu.

    No futebol europeu existe uma organização exemplar e um profissionalismo muito grande. Quando vemos pela televisão os jogos das ligas nacionais ou mesmo da Champions, a diferença qualitativa com o nossa Conmebol ou CBF é gigante. Quase tudo funciona melhor. Há mais disciplina, cidadania e a qualidade do espetáculo esportivo fica superior.
    Mas tem um outro lado também, menos destacado, que é a sujeira na cúpula dos principais clubes europeus. Ela na sua maioria é corrupta, infelizmente. Bandidos como Sandro Rosell (na foto abaixo) assumem o comando desses clubes e usam o futebol pra lavar dinheiro. Essa realidade que saiu do controle, começa a ficar mais evidente com as investigações recentes e que começam a trazer resultados. Veja dois exemplos do noticiário de hoje:
Fonte: Twitter / Diário Sport
"Ex-presidente do Barcelona é preso por lavagem de dinheiro" http://zh.clicrbs.com.br/rs/esportes/noticia/2017/05/ex-presidente-do-barcelona-e-preso-por-lavagem-de-dinheiro-9798690.html


"As casas dos argentinos Javier Pastore e Angel Di María e as sedes do Paris Saint-Germain foram alvos de buscas da polícia francesa em inquérito aberto após revelações de documentos vazados pelo "Football Leaks". As suspeitas são de fraude e lavagem de dinheiro". http://espn.uol.com.br/noticia/697281_policia-francesa-faz-buscas-nas-sedes-do-psg-e-nas-casas-dos-argentinos-di-maria-e-pastore

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Peru e Dinamarca estreiam em clima de decisão.

Vai começar a grande festa do futebol mundial!

Foca no "Foquita".

Que venha a Chape.

Valeu pelos três pontos.