Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

Show de bola e de horror.

Imagem
    No campo, com a bola rolando, foi mais um grande jogo. Com dois tempos muito distintos e que mostraram as virtudes do futebol sul-americano. Seja pela técnica ou pela raça as emoções estão garantidas quando se trata de Libertadores de América. Após o apito final, o amadorismo e a violência que explicam por que estamos tão atrasados em termos de organização e civilidade. Fonte: Globoesporte     No primeiro tempo o Palmeiras entrou um esquema tático diferente, o 5-4-1, em função das características do adversário. A proposta, pouco treinada, era que os três zagueiros altos combatessem a bola aérea do adversário. A estratégia não deu certo. Os três zagueiros ficaram batendo cabeça enquanto o meio-campo, com um jogador a menos, pouco criava. No ataque, Borja ficou isolado entre os zagueiros adversários. Desconfortáveis, o jogadores do time paulista praticamente assistiram o Peñarol jogar e não conseguiam trocar três passos seguidos, muito menos avançar ao ataque. Com uma marcação s

As finais dos campeonatos estaduais pelo Brasil!

Imagem
Chegou a hora da decisão! Veja abaixo quais serão as finais dos campeonatos estaduais. SP: Corinthians x Ponte Preta Fonte:Uol Um reedição da mítica final de 1977, foto acima, que coroa o trabalho espartano das duas equipes. Ambas souberam aproveitar suas qualidades e respeitar suas limitações para eliminar seus adversários. O favoritismo é corintiano, mas a Ponte cresceu muito com a chegada de Gilson Kleina e pode surpreender. Seria um título inédito para a Macaca. RJ: Flamengo x Fluminense O melhor elenco do Flamengo contra o time mais bem treinado por Abel Braga. Foram realamente as melhores equipes do campeonato. Na primeira deu Flu. Mas agora é imprevisível! MG: Atlético x Cruzeiro Mais uma final entre Atlético e Cruzeiro. A raposa tem mostrado o melhor futebol e Mano Menezes para ter o elenco na mão. É o momento dos craques do Galo mostrarem sua força! RS: Inter x Novo Hamburgo O surpreendente Novo Hamburgo já mostrou seus méritos, tem uma defesa firma e velocidade no a

Rodada alvinegra!

Imagem
    Nas duas partidas de ida das semifinais Ponte Preta e Corinthians conseguiram boas vitórias e levam grande vantagem para o jogo de volta, que vale vaga para a finalíssima do Paulistão 2017. Veja abaixo um resumo de como foram esses jogos. Chocolate da Macaca     Em Campinas, a Macaca jogou ligada no 220  Volts e atropelou  o Palmeiras por 3 a 0 no  Moisés Lucarelli. A  Ponte dominou amplamente o partida e impôs ao Verdão sua pior derrota no ano.  Com uma marcação intensa os alvinegros roubavam a bola e partiam em ataques rápidos puxados por  Clayson e concluídos  pela  dupla dinâmica Lucca e William Pottker. Pelo lado palmeirense os atletas pareciam ainda em recuperação pelo desgaste do jogo contra o Penarol e entraram desligados em campo. Quando perceberam que estavam em Campinas numa partida semifinal, o resultado já havia sido definido. O destaque negativo foram os laterais  Zé Roberto e Jean que estiveram em tarde infeliz e ficavam sempre expostos a velocidade do rival. 

Agora é matar ou morrer!

Imagem
    Após doze rodadas da fase inicial, começou no último fim de semana os duelos mata-mata do Campeonato Paulista. Como era de se esperar as quatro equipes de maior investimento enfrentaram as equipes do interior na casa do adversário, o que reservou as primeiras surpresas e a típica emoção dos duelos eliminatórios. Veja abaixo um resumo de cada uma das 4 partidas. Ponte Preta 1 X 0 Santos        E logo no primeiro jogo dessa fase já veio a primeira surpresa. Jogando em casa, no estádio Moisés Lucarelli, a Ponte Preta mostrou que é mesmo a melhor equipe do interior e partiu na frente d o atual campeão Santos  no duelo pela vaga nas semifinais. A vitória por 1 a 0, obtida com um gol do artilheiro do campeonato Pottker, deixou a macaca com uma vantagem interessante para o segundo duelo que será realizado no próximo dia 10 de abril, às 20 horas, no Pacaembu. O resultado poderia ser ainda melhor não fosse algumas chances perdidas diante de um Santos que jogou em um nível muito abaix