Um ataque de sono

Com exceção do espetacular gol de Camacho, o jogo de ontem do Corinthians foi mais um exemplo do que a Fiel torcida não merece ver em campo. Foi difícil ficar acordado até o fim do jogo tamanha a falta de objetividade e qualidade em campo.
 Fonte:UOL
Um time limitado e acima de tudo apático se contentou com o empate diante do Figueirense, uma equipe extremamente limitada e que mostrou mais uma vez por que está caminhando a passos largos rumo à segunda divisão. Com exceção do veterano Rafael Moura, do goleiro Gatito Fernández e do lateral Ayrton o elenco do tradicional clube Florianópolis é digno da série B, infelizmente.
Porém a grande decepção foi o Corinthians. Observando o time em campo parece que objetivo de chegar à próxima Libertadores não é suficiente para motivar jogadores que já deviam se orgulhar simplesmente por vestir a camisa do time de maior torcida de São Paulo. Com um elenco limitado é preciso raça para jogar no Timão! Se não houver uma reação logo poderemos ter um ano perdido no Parque São Jorge. Mas diante disso fica a pergunta: é possível esperar reação desse time treinado por Oswaldo Oliveira que mal chegou e já é contestado por torcida, direção e imprensa?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A democracia acontece na calçada.

Após muita confusão fora de campo, Vasco vence o Fluminense e é campeão invicto da Taça Guanabara.

Peru se despede da Copa com alegria.

São Paulo e Corinthians empatam sem gols e decisão do título fica para Arena do Timão.

Peru e Dinamarca estreiam em clima de decisão.