Que garotada madura!

    Em um jogo de impressionante maturidade os meninos do Brasil venceram um empolgado Peru por 2 a 0 em jogo válido pela 12ª rodada das eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo de 2018, que acontecerá na Rússia. A canarinha fecha o ano em grande estilo como líder e à um ponto da vaga, restando ainda seis rodadas.
Fonte:Globoesporte.com
    Apesar de ser uma equipe jovem e que fez apenas a sexta partida sob o comando de Tite, a seleção já mostra uma consciência tática e estratégica incrível. Após enfrentar uma previsível pressão nos 15 primeiros minutos da partida, gradativamente os comandados de Tite foram pacientemente tocando a bola no meio campo e cozinhando o Peru que aos poucos se deixou dominar. Com o controle do jogo, o Brasil começou a criar suas primeiras oportunidades. A novidade foi a movimentação de Renato Augusto como autêntico ponteiro. Foi um belo primeiro tempo de ambas as equipes que mostraram porque vivem bom momento.


Fonte: UOL    
    O melhor porém ficou para segunda etapa, foi quando Coutinho e Gabriel Jesus começaram a mostrar um vasto repertório de dribles e finalizações. O gol então foi uma questão de tempo, aos 13 minutos Gabriel Jesus aproveitou uma sobra na área para abrir o placar - foto acima - após bela jogada de Philippe Coutinho. Foi do camisa 9 o passe para Renato Augusto concluir com categoria aos 34 minutos. No final do jogo Guerreiro, Cuevas e companhia ainda tentaram uma pressão que pouco produziu além de vários cruzamentos na área, sempre buscando a cabeça do centroavante Flamenguista. E ficou nisso, mais uma vitória do Brasil e um salve ao grande Tite!
Fonte: espn.com.br


PERU 0 x 2 BRASIL
Local: Estádio Nacional de Lima (Peru)
Árbitro: Wilmar Roldan (Colômbia)
Auxiliares: Cristian de La Cru e John Leon (ambos da Colômbia)
Cartões amarelos: Nilson Loyola e Cueva (PER); Renato Augusto (BRA)
Gols: Gabriel Jesus, aos 12 minutos do 2º T e Renato Augusto, aos 32 minutos do 2º T

Peru: Gallese; Corzo (Adivíncula), Ramos, Rodríguez e Loyola; Victor Yotún, Aquino, Andy Polo (Sánchez) e André Carrillo (Ruidíaz); Cueva e Guerrero
Técnico: Ricardo Gareca
Brasil: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Filipe Luis; Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Philippe Coutinho (Douglas Costa) e Neymar; Gabriel Jesus (Willian)

Técnico: Tite

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Peru e Dinamarca estreiam em clima de decisão.

Que venha a Chape.

Vai começar a grande festa do futebol mundial!

Mais um passeio em verde e branco.

A incrível história de Fernando Prass.